Empreendedorismo

O canvas da startup feliz

O-canvas-da-startup-feliz
Raissa Klain
Escrito por Raissa Klain

Startup já está tão comum quanto ter uma banda. Qualquer pessoa tem algum conhecido que tem uma banda e cada vez mais se torna comum conhecermos alguém que está desenvolvendo um aplicativo, uma plataforma, um novo serviço para mídias sociais etc. Não sou uma expert na área, mas acredito que ainda não chegamos na crista da onda das startups, aceleradoras e pseudo-aceleradoras.

Acredito que 90% das startups no Brasil já conhece o Canvas de Modelo de Negócio Desenvolvido por Alexander Osterwalder em 2008. Para quem não conhece, esta metodologia mudou a forma pela qual as organizações desenvolvem seus negócios, explorando visualmente os componentes essenciais de um modelo de negócio e está sempre em mutação para se adaptar de melhor forma ao mercado.

Captura de Tela 2013-07-21 às 18.04.16

Tão importante quanto ter um modelo de negócio solidificado, é ter um modelo de cultura dentro da empresa. Um case famoso nos EUA, foi o caso da Zappo’s, que foi desenvolvida com o objetivo de oferecer o melhor tratamento ao cliente final e esta cultura da empresa foi uma ferramenta para tornar o ambiente de trabalho um lugar melhor e sinceramente, ao ler o livro “Delivering Happiness” de Tony Hsieh, CEO da Zappos, é certeira a vontade de fazer parte dessa história.

E já que estamos neste meio aquecido por novas empresas, porque não começarmos a desenvolver nossa própria cultura?

Apresento a vocês o Canvas da Startup Feliz, desenvolvido por Javier Muñoz da Delivering Happiness em 2012:

Captura de Tela 2013-07-21 às 18.04.01

[button url=”http://www.deliveringhappiness.com/how-to-do-a-culture-due-diligence/” target=”_blank” style=”yellow” size=”e.g. large”] Link direto para o site da Delivering Happiness[/button]

1. Propósito & Visão

Tenha um propósito claro. Isso pode ajudar a dar peso real à sua marca como uma razão para ser o que vale gastar tempo moldando e articulando isso. Além disso, te ajudará tomar mais decisões rápidas e atrair uma audiência.

2. Valores

Não só importante para a empresa e os funcionários, os consumidores cada vez mais se interessam pelos valores que uma empresa representa. Se você tem uma companhia, quais valores ela deveria ter para não deixar de existir? Faça um brainstorm de alguns valores apenas para esquecer sobre eles e os pratique diariamente. Seus valores são como você se comporta não como você gostaria de se comportar.

3. Sua história

Que história você quer que as pessoas contem sobre você? Você é a primeira pessoa que vai contar essa história, portanto conte-a de uma maneira simples, assim as pessoas ajudarão a espalhá-la.

4. Problemas

Liste os 3 problemas ou oportunidades que você está tentando endereçar. Estabeleça como hipóteses para testar contra o mundo real.

5. Solução

Para a lista criada no item anterior, qual é a solução que você apresenta? Só não se esqueça de fazer customer development com os seus clientes. Sua solução pode ser apenas uma hipótese e se transformar em uma solução de verdade quando apresentada a seus verdadeiros clientes.

6. Early adopters

Tenha em vista um segmento de cliente. Quanto melhor o filtro, maior a chance do sucesso. Como diz Seth Godin: “Tente agradar a todos e você acabará não agradando a ninguém”

7. Proposta de valor

A proposta de valor não só envolve os valores que serão entregues aos clientes, mas também o valor que é gerado para os recursos e parceiros da empresa. Notem que sua posição no Canvas de Modelo de Negócio ela está situada estrategicamente ao centro por isso esta pode ser uma das áreas mais difíceis a serem trabalhadas no início. A regra geral é para tentar ser mais simples o possível. :)

E você, preparado para utilizar o Canvas da Startup Feliz?

Sobre o Autor

Raissa Klain

Raissa Klain

Raíssa tem 24 anos, é publicitária e CEO da Influentio, um plugin social que gera Buzz marketing através de compartilhamentos personalizados nas redes sociais. Começou a empreender aos seis anos vendendo adesivos e brinquedos na escola e aos 11 anos, vendendo sais de banho que ela mesmo fabricava. Além de ser empreendedora dedica-se ao seu Blog (www.meninaempreendedora.com.br) e organiza o evento TEDxRioClaro em sua cidade.

1 Comentário

Deixe um comentário